sexta-feira, 22 de junho de 2018

PERFUME DE MULHER



 
Um dos momentos mais célebres do filme
 Imagine uma amarga infelicidade decorrente de sucessivas desilusões e frustrações agravadas por um acidente que provocou deficiência visual. O desdobramento foi uma postura arrogante, orgulhosa e extremamente agressiva no comportamento.
Esta é a história de um tenente coronel que, já aposentado e muito hábil nos raciocínios, com grande experiência de vida e revoltado com deficiência visual decorrente de um acidente que lhe tirou a visão numa brincadeira irresponsável.

quarta-feira, 20 de junho de 2018

COMO ENFRENTAR A "CULPA" E DESCULPAS?



 
A percepção da “culpa” tem sido objeto de investigações e influências no amplo debate temático da Doutrina dos Espíritos e das ciências psíquicas. Sabe-se que são intermináveis e graves as consequências da conservação da “culpa” em nossa vida, podendo alcançar indescritíveis destroços emocionais, psicológicos, comportamentais e morais.

A famosa “culpa” se consubstancia numa sensação de angústia adquirida após reavaliação de um ato tido como reprovável por nós mesmos, ou seja, quando transgredimos as normas da nossa consciência moral.

domingo, 17 de junho de 2018

LIVRE-ARBÍTRIO E VIDA


              
    


       Vivemos numa sociedade de vinculações. Ninguém que consiga êxito em uma empreitada sem a disposição de compactuar planos e práticas. Mesmo a atividade que tem a individualidade como base, fato que acontece em determinadas modalidades de esporte ou empresarial, há uma infinidade de interferências nos bastidores para que aquele desempenho pessoal possa ser levado a cabo e sem as quais se acredita que o resultado seria diferente.

sexta-feira, 15 de junho de 2018

TOLERÂNCIA RELIGIOSA TEM LIMITE?


"Não pronunciarás o nome do senhor, teu Deus, em vão"
(Exôdo, 20:7)
          



Em 1980, uma herança destinada aos Testemunhas de Jeová foi negada pela administração departamental do Governo Francês. O grupo recorre por duas vezes, mas não consegue êxito. A decisão foi fundamentada em razão dos fins ou natureza de certas entre elas, o caráter de uma association cultuelle (associação com fins religiosos). Observa-se uma decisão fundamentada em tolerância religiosa.
Em 1985, o Brasil assistiu uma cena de intolerância religiosa praticada por um bispo da Igreja Universal do Reino de Deus, quando no feriado dedicado a Nossa Senhora Aparecida – 12 de outubro. No ato, o religioso destilava críticas protestantes à “idolatria católica”, na medida que usava os pés e as mãos contra a imagem, cujo episódio ficou conhecido como o “chute da santa.” Tantos outros se sucedem, como até vídeos que “viralizaram” nas redes sociais onde “líderes religiosos” ensinam, até em tom de zombaria, como tirar dinheiro dos fiéis.

quarta-feira, 13 de junho de 2018

REBELIÕES NOS PRESÍDIOS À LUZ ESPÍRITA


  


 A população brasileira, perplexa, está tomando ciência das inúmeras revoltas de presos nas penitenciárias, apresentando desfechos trágicos com dezenas de mortos.

Os detentos são separados, na prisão, de acordo com suas facções criminosas e as rebeliões têm ensejo, primeiramente, quando os adversários se confrontam, culminando, infelizmente, com muitos assassinatos e a fuga de perigosos meliantes.

Infelizmente, as precárias condições das unidades prisionais brasileiras não permitem a ressocialização dos internos. Cada vez mais se acentua o quadro caótico em que se encontra o sistema carcerário brasileiro, impedindo sobremaneira a inserção dos penalizados na sociedade.

segunda-feira, 11 de junho de 2018

ENTRE O KARDEC DOS ACADÊMICOS E O KARDEC DOS ESPÍRITAS - ONDE ESTÁ KARDEC?¹


 
 
Kardec desfigurado - imagem da internet
 
Nas últimas décadas, tanto nos Estados Unidos, como na França e no Brasil, os três países mais ligados historicamente ao espiritismo, os estudos acadêmicos sobre seu nascimento, desenvolvimento e migração entre os continentes têm encontrado cada vez mais espaço nas Universidades. Apenas para citar alguns dos autores que trabalharam o tema: David Hess, Lynn L. Sharp e Sofie Lachapelle no Estados Unidos; François Laplantine, Marion Aubrée, Guillaume Cuchet na França; Bernardo Lewgoy, Sandra Jacqueline Stoll e Reginaldo Prandi no Brasil. O viés desses estudos é geralmente sociológico, antropológico ou histórico.

A riqueza das pesquisas, com todas as informações e fontes que nos colocam em contato com a história do movimento do século XIX e seus desdobramentos nos séculos XX e XXI é bastante importante para espíritas e não espíritas.

domingo, 10 de junho de 2018

A CAUSA DA DEPRESSÃO ESTÁ NO ESPÍRITO




Cajazeiras falará sobre o tema de um de seus livros “Depressão, doença da alma”, em que trata das explicações neuroquímicas, psicológicas e espirituais da depressão. A palestra dele será dia 22/6, às 14h30min, no Auditório Bezerra de Menezes, no Centro de Eventos. No mesmo dia, às 20 horas, ocorrerá o relançamento do livro “Depressão doença da alma”. 

O POVO: Quando se fala em cuidados da saúde, se foca geralmente muito nos aspectos científicos. Qual a importância do lado espiritual para o bem-estar do indivíduo?

KARDEC ERA RACISTA?


 

A maturidade nos traz reflexões importantes, quando estamos abertos ao aprendizado. Depois de revisitar muitos autores que considerava impecáveis e mesmo mestres da minha adolescência e juventude, vendo que no meio de grandes e belas verdades e contribuições, disseram às vezes coisas embaraçosas para o século XXI, hoje me pergunto: será que daqui 50 ou 100 anos, quando lerem meus livros, haverá coisas ali que me constrangerão de ter escrito, olhando lá do mundo espiritual, diante do progresso das ideias e do avanço civilizatório? Às vezes nem me pergunto se haverá, mas quais serão essas posições ultrapassadas, que poderão me fazer corar no futuro…Faço essa pequena introdução para tocar numa questão delicada e polêmica, incômoda e constrangedora para qualquer espírita de consciência aberta e lúcida: o possível racismo de Kardec.

sexta-feira, 8 de junho de 2018

PROGNÓSTICO?





 Pela primeira vez, em muitos anos, o Doutor Ricardo estava em férias. Acompanhado de Cristi­na, a dedicada esposa, desfrutava de merecido descanso em estância hidromineral. Era uma aben­çoada trégua na rotina estafante de médico obste­tra.
Enquanto a esposa repousava após o almo­ço, ele, irrequieto como sempre, pouco afeito à ina­tividade, transitava por aprazível parque público, semeado de árvores frondosas e convidativos ban­cos.

quarta-feira, 6 de junho de 2018

A CAMINHO DA LUZ







Ao nascermos, começamos a morrer;
Da morte, o renascer. Aceite-se, ou não.
Um pé na terra e outro n'alguma estrela;
Somos luz e sombra, calma e furacão;
Um olho, ansioso, ronda a luz - quer vê-la -,
O outro procura da treva a escuridão.

No meio da tempestade e calmaria,
A vida em ciranda, a girar sem igual,
Sente o calor e o frio, a dor e a alegria,
Olha o céu e olha a terra - mundo dual.

segunda-feira, 4 de junho de 2018

SE DEUS PERMITIR?


          




          Está recomendado em Êxodo (XX: 07) que “não tomarás o nome de Deus em vão...” como norma a ser seguida diante das agruras sofrida pelos judeus durante a fuga do Egito. Depois de tantos anos daquele lembrete, parece que ainda continua necessário repeti-lo em nossas fugas de cada dia.
          Na prática as frases que utilizam a intervenção divina nos atos comuns da rotina são muito numerosas e descrevem uma forma peculiar de refugiar na vontade de Deus uma porção de situações que dependem de outras disposições. “Se Deus quiser”, “com a permissão de Deus”, “como Deus quer” são alguns exemplos da forma como TOMAMOS considerando a sentença bíblica o nome de Deus. Cabe-nos identificar se é ou não em vão.

sábado, 2 de junho de 2018

O BRASIL É O CORAÇÃO DO MUNDO E A PÁTRIA DO EVANGELHO?



 
Viralizou nas redes sociais um trecho editado de um evento de 2015, o 4º Congresso Espírita do Conselho Espírita do Estado do Rio de Janeiro. No trecho (vídeo abaixo) que tem sido insistentemente compartilhado pelos espíritas, o jornalista André Trigueiro propõe uma reflexão interessante. Diante de estatísticas que mostravam um número muito pequeno de brasileiros dedicados ao voluntariado, números altíssimos de homicídio, de aborto e roubo de carros, sem contar a Lava Jato que naquele ano já tinha o título de maior escândalo de corrupção da história, poderíamos afirmar que o Brasil é o coração do mundo e a pátria do evangelho?

Na roda de palestrantes que foram instigados pela provocação de Trigueiro estavam César Braga Said, Divaldo Franco, Haroldo Dutra, Alberto Almeida e Sandra Della Pola. No trecho divulgado, o vídeo foi editado e só a fala de Haroldo Dutra aparece.

sexta-feira, 1 de junho de 2018

JESUS E A MARCHA DO EMBUSTE DOUTRINÁRIO







É comum localizamos em nossas hostes doutrinárias alguns confrades agindo semelhantemente aos “crentes evangélicos” (da ala neopentecostal), talvez por “olho gordo”, exaltando inflamados o “nome” Jesus, a “imagem” do Crucificado, a “personalidade” do Messias, quase sempre sob argumentos desprovidos de coerência, comprovando desconhecimento dos códigos morais do Evangelho racionalmente explicados por Allan Kardec e os espíritos superiores.

Por causa do “cristianismo” arcaico, a figura de Jesus se caracteriza por debilitada representação simbólica e, como sabemos, todo símbolo que passa do tempo fica enferrujado, desgastado e perde a sua essência e sentido. É óbvio que reverenciamos o excelso valor de Jesus e O defendemos enquanto Verdade Maior; porém, sem se afastar um milímetro da lógica kardequiana.

terça-feira, 29 de maio de 2018

MEDICINA PIONEIRA


      




      



      Ah! ... doutor! ... Eu queria tanto ter saúde, a fim de ser um pou­quinho feliz! ... — suspirava aquela senhora que se habituara a percorrer os consultórios médicos, presa de distúrbios diversos.
— Minha filha — responde bondosamente o experiente facultativo —, este é o erro de toda gente, porque não se trata de procurarmos ter saúde para ser feliz, e sim de procurarmos ser felizes para ter saúde. Somente as pessoas em paz com a vida, que guardam em seus corações a euforia de viver, é que desfrutam do equilíbrio físico e mental que todos almejamos.

domingo, 27 de maio de 2018

LUZ QUE PODE OFUSCAR


         
 
 Uma das passagens mais clássicas e conhecidas da Filosofia é a Alegoria da Caverna, integrante do Livro VII, da obra A República, de Platão. Através desta metáfora, Platão narra de forma dramática a situação de prisioneiros, que desde o nascimento são acorrentados em uma caverna e que passam todo o tempo olhando para uma parede do fundo que é iluminada pela luz gerada por uma fogueira. Esta ilumina animais, plantas, objetos e estátuas que são projetados na parede, manipulados, passando a representar o cotidiano desses seres. Com o passar do tempo dão nomes a esses seres, inclusive com a realização de competições para se vangloriarem a quem acertar as denominações e regularidades.

sexta-feira, 25 de maio de 2018

DOUTRINA DA LIBERDADE











A mensagem espírita caminha na mesma estrada de todas as filosofias que ensinam o a espiritualidade em associação com a liberdade do pensamento. Entre os seus pressupostos esclarece que somos Espíritos que trilham caminhos independentes, apesar das vinculações que geramos à medida que os relacionamentos acontecem. Zela pelos laços de família e as amizades esculpidas pelas afinidades espontâneas, mas faz compreender que os laços que nos une não é restrito parentesco consanguíneo e que podemos em cada encarnação modificar o papel que desempenhamos no concerto familiar e social. Espiritualmente não somos pais ou filhos ou irmãos ou primos ou tios ou sobrinhos ou esposo ou esposa, nem chefes ou subalternos ou diretores ou gerentes. Todas essas condições mudam a cada encarnação, de forma que as disposições familiares ou sociais são completamente passageiras consideradas as nossas idas e vindas ao corpo físico.

quarta-feira, 23 de maio de 2018

BODERLINE PELA ÓTICA ESPÍRITA


                                                                                                                                                                        
   

Em duas apresentações na Rádio Rio de Janeiro, no programa Falando de Espiritismo, sob os cuidados primorosos da confreira e amiga Martha Batista, fui abordado pelos ouvintes a respeito do Transtorno de Personalidade Borderline e suas devidas implicações doutrinárias.

Os pacientes borderline apresentam quadro de estouros agressivos, comportamentos autodestrutivos, atitudes sociopáticas, tendência ao suicídio, o que faz com que procurem com assiduidade os devidos serviços de emergência psiquiátrica ou se vejam envolvidos nos casos policiais. Em todas as situações, apresentam atitude hostil, estabelecendo uma relação negativa com os funcionários de saúde e com as autoridades. Geralmente são considerados como pessoas sem perspectivas futuras e, na maior parte das vezes, abandonam o tratamento indicado.

segunda-feira, 21 de maio de 2018

SOBRE O ESPIRITISMO E OS ESPÍRITAS







Numa palavra, o que caracteriza a revelação espírita é o ser divina a sua origem e da iniciativa dos Espíritos, sendo a sua elaboração fruto do trabalho do homem. [1]
Chama a atenção o primeiro livro da revelação Espírita ser uma obra de perguntas. O Livro dos Espíritos em sua primeira edição de 1857 foi constituído de 501 perguntas que Allan Kardec formulou aos espíritos. No ano 1860, em sua terceira edição, o livro básico já contava com 1019 perguntas.
Muitas vezes me perguntei por que 1019 e não 1000 perguntas?
Entre os variados aspectos fundamentais da Doutrina Espírita, tão importante quanto oferecer respostas, seja elaborar boas perguntas. 1019 não parece ser um número redondo. Deixa a impressão de que outras perguntas poderiam ser feitas, ou seja o sistema de conhecimento Espírita não é um constructo pronto. O Codificador parece deixar assim um ensinamento, o de que a Doutrina Espírita deve caracterizar-se em ser aberta e sujeita a novos ensinamentos e revelações.

domingo, 20 de maio de 2018

O IRRESISTÍVEL APELO DO CORAÇÃO


         



          Foi amor à primeira vista, dessas coisas que só o Espiritismo explica.
         Tão logo se conheceram, Lauro e Cássia sentiram irresistível encantamento. Não era do tipo paixão, na ardência do desejo que se esvai com a satisfação dos sentidos, mas aquele amor autêntico, que transcende os limites da atração física para fixar-se, imortal, na intimidade do coração.
         Logo começaram a namorar, experiência sublime de almas afins que se encontram.
      À luz da Doutrina Espírita, diríamos, com maior exatidão, almas afins que se reencontram. Somente uma convivência milenar nos domínios do afeto poderia justificar tão terna ligação.

sexta-feira, 18 de maio de 2018

UM MENINO DE DEZ ANOS






Enquanto os pais assistiam ao show musical, acomodados no grande salão do belo teatro, o garoto de apenas dez anos estava no banheiro “aprontando”. Ele simplesmente “socou” vários rolos de papel higiênico nos vasos sanitários, entupiu os ralos do chão e das pias com o mesmo papel picadinho e saiu deixando todas as torneiras abertas.
O resultado não se fez esperar. Em breve tempo a água invadiu o espaço todo que dava acesso aos sanitários, surpreendendo o público e funcionários na saída do show.

quinta-feira, 17 de maio de 2018

BULLYING [1] PROBLEMA DE SAÚDE PÚBLICA E SEGURANÇA SOCIAL




Vítima de abusos e bullying em sua escola na Califórnia, a adolescente Rosalie Ávila, 13 anos, tirou a própria vida: “sou feia e perdedora “, escreveu, em um bilhete encontrado por seus pais depois da tragédia. Estudante do oitavo ano em uma escola pública em Calimesa (114 km ao leste de Los Angeles), Rosalie se enforcou em seu quarto depois de deixar o bilhete de despedida para os pais: “me desculpem, pai e mãe. Eu amo vocês “. [2] (grifamos)

terça-feira, 15 de maio de 2018

VINDE A MIM





Jesus é o caminho, a vida e a verdade,
Luz do mundo, o Amor, a caridade...
Vai a Ele e terás o alimento da alma
Que aos fracos fortifica e acalma.

domingo, 13 de maio de 2018

QUEM É A MELHOR MÃE DO MUNDO?


          


 
          Foi realizada uma experiência empírica num palco de um programa de televisão, a qual foi disseminada posteriormente através das mídias virtuais da internet. Crianças em idade inferior aos 10 anos foram vendadas enquanto uma fileira de mulheres, suas mães se deixavam expostas numa fila e só podiam ser tocadas nas faces e nos cabelos, com a finalidade de avaliar quantas delas seriam reconhecidas com a visão dos filhos bloqueadas. Resultado: cada criança reconheceu a sua mãe, talvez pelo cheiro, quem sabe pelo hálito ou ainda pela textura da pele ou dos cabelos.

13.05 SEIS ANOS DO CANTEIRO DE IDEIAS




O Canteiro de Ideias nasceu em 13 de maio de 2012, dia em que se comemora a libertação dos Escravos no Brasil, embora no Ceará esse auspicioso evento tenha ocorrido antes, em 25 de março de 1884.
inicialmente apenas como um Blog, hoje já ostenta a posição de um site, nesse 13 de maio de 2018 completará 6(seis) anos de existência, em termos de idade é ainda um infante, mas já tem muita história para contar!

sábado, 12 de maio de 2018

AMIGOS, AMIGOS, NEGÓCIOS À PARTE


             



              O mundo da competição pecuniária tornou gigante o fosso que separa as amizades dos negócios com claras demandas egoístas e passageiras, o que tornou desigual e injusta a paisagem social. Por outro lado, e avaliando uma aplicação adequada quando admitimos a existência de negociadores sensatos, sempre que se repete no mundo das convenções humanas o ditado “amigos, amigos, negócios à parte” o objetivo reflete o grau de isenção que deve ser buscado para que se evite misturar espaços relacionais diferentes. Retiradas as acepções puramente ambiciosas, a interpretação faz sentido.

quinta-feira, 10 de maio de 2018

ENCONTROS E DESENCONTROS


 


 Simone chegou com alguns minutos de antecedência. Sentada em rústico banco, à sombra de frondosa árvore, recordou que ali tecera com Armando idílico so­nho. O marido representara o seu encontro com a felici­dade. A seu lado vivera quinze anos de ternura, enrique­cidos por quatro filhos adoráveis. No entanto, há dois anos o sonho convertera-se em pesadelo. Armando apaixonou-se por inconsequente jovem, iniciando perturbadora relação extraconjugal. Após meses de tensão, alegando incapacidade para su­perar a atração irresistível, decidiu unir-se à sua amada.

terça-feira, 8 de maio de 2018

RESIGNAÇÃO


 






A cada ciência o seu objeto. O espiritismo cuida da alma, vê pelo prisma da evolução do espírito. Tudo certo, mas sempre em termos. Onde está dito na doutrina espírita que a resignação seja passividade ante as injustiças e os desmandos de quem detém poder, seja político, seja também econômico, aliás sempre mancomunados? O que devemos fazer como bons espíritas? O que é caridade nesse caso? Kardec diz sobre o bom espírita: “Possuído do sentimento de caridade e de amor ao próximo, faz o bem pelo bem, sem esperar paga alguma; retribui o mal com o bem, toma a defesa do fraco contra o forte e sacrifica sempre seus interesses à justiça”.[i]

domingo, 6 de maio de 2018

TIRADENTES: O RESGATE DE UMA TRAIÇÃO





“... Eis por que um que vos parece justo, muitas vezes sofre. É a punição do seu passado”. O Livro dos Espíritos- Pergunta 984


No ano de 1985, a nação brasileira passou por momentos de grande aflição e, até mesmo, de desespero.
A população, em sua grande maioria, orava conjuntamente para que a dor que lhes afligia fosse extinta. Nunca tantas pessoas se uniram, formando uma grande corrente de energia psíquica para que a doença inesperada não levasse à morte alguém que representava a esperança de um país.

sábado, 5 de maio de 2018

CASA DE FERREIRO, ESPETO DE PAU


          



         Sabemos quem somos e o que pretendemos? Aliamos o que pensamos com a prática que exibimos durante uma existência? As nossas palavras soam como marteladas ou flocos de algodão jogados ao vento?
Longe de ser o acaso que nos dispõe diante das situações que enfrentamos. Há uma verdadeira coalizão entre as circunstâncias de nossas vidas e as reatividades que nos apontam do psiquismo quando afrontados por aquelas. A Terra é um instituto de aprendizados que submete a cada ser encarnado a um roteiro individualizado que se baseia em características próprias. Essa a razão pela qual um problema de alguém tem um peso diferente quando avaliado por outra pessoa e convenhamos que sempre seja mais fácil resolver a dificuldade que atinge a casa do vizinho.

quinta-feira, 3 de maio de 2018

SABEDORIA E O BOM SENSO



 
O sábio indiano passava com um discípulo, às margens do Ganges. Em dado momento, viu um escorpião que se afogava.
Pressuroso, estendeu a mão e o retirou das águas. Previsivelmente, o escorpião deu-lhe uma ferroada.  Não obstante a dor, o sábio, cuidadoso e paciente, o depositou em terra firme.
Teimoso, o bicho voltou ao rio. O discípulo, admirado, viu seu mestre salvá-lo novamente, submetendo-se a nova agressão.
O escorpião, que parecia orientado por vocação suicida, retornou às águas.  Repetiu-se a cena.

terça-feira, 1 de maio de 2018

SELFIES ASSOCIADAS ÀS CARÊNCIAS AFETIVAS






Três jovens da cidade de Xinguara, no norte do Piauí, caíram de uma ponte ao tentar tirar uma foto no dia 22 de abril de 2018. De acordo com a polícia local, as garotas tentavam fazer uma selfies quando a lateral da ponte desabou, fazendo com que elas despencassem de uma altura de 10 metros, fraturando as pernas e pés. A ponte passa sobre o rio Cais e é utilizada como linha férrea, apesar de degastada com o tempo. As adolescentes estavam tirando selfies no local, quando a plataforma da lateral desabou com elas. [1]

PDF-Uma análise crítica de 'BRASIL CORAÇÃO DO MUNDO, PÁTRIA DO EVANGELHO"

domingo, 29 de abril de 2018

COMO ASSIM? CRIANÇAS EM REUNIÕES MEDIÚNICAS?






Nos últimos meses, por conta de diversos debates em que a Associação Brasileira de Pedagogia Espírita tem se envolvido, marcando posições claras, temos recebido centenas de retornos via e-mail, comentários no blog e no Facebook. Muitas nos indagaram a respeito da participação de crianças em reuniões mediúnicas.


O que se dá é que as crianças ­ ­– nem todas – podem apresentar percepções mediúnicas muito cedo e precisam ser orientadas. E quando a mediunidade estoura, principalmente na adolescência, precisa ser aceita e trabalhada.

sábado, 28 de abril de 2018

GUARDIÃO






Avistei, caminhando em meu caminho,
Alguém estranhamente iluminado...
Então o aceitei seguir ao meu lado
E, hoje, não mais consigo andar sozinho.

Alentou-me...afagou-me com carinho,
Razão por que ouço-lhe o conselho dado,
Resultando, pois, que, assim ajudado,
Sigo firme e reto, sem desalinho.

sexta-feira, 27 de abril de 2018

21 DE ABRIL TAMBÉM LEMBRA O BRAÇO FORTE!



 

 
Uma falta de atenção muito comum durante o canto do Hino Nacional Brasileiro é colocar a expressão que usamos no título da presente abordagem no plural. Muita gente ainda canta no referido trecho: “(...) conseguimos conquistar com braço forte (...)” – que é o correto, diga-se: no singular –, usando o plural e cantando com braços fortes, que não está correto. O correto é no singular mesmo: com braço forte!

quarta-feira, 25 de abril de 2018

É TEU IRMÃO!


        


        Residiam os três, marido, esposa e filhinha, num casebre si­tuado em zona rural. O sítio era do patrão e o salário irrisório, ganho com muito suor, mal atendia as necessi­dades prementes.
Certa tarde, enquanto o chefe da casa trabalhava no cafezal distante, a mulher, trazendo a menina nos braços, aproximou-se das margens de largo rio, à procura de arbustos medicinais. No barranco alto foi acometida de vertigem. Mãe e filha precipita­ram-se nas águas caudalosas...

segunda-feira, 23 de abril de 2018

DIANTE DAS DORES NÃO EXISTE INJUSTIÇA NO CÓDIGO DE DEUS






 
Letícia Franco, de 36 anos, médica de Cuiabá já foi internada dezenas vezes desde 2010.  Só na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) foram 34 vezes. O grande sofrimento é causado por uma doença crônica degenerativa que fez com que ela postasse recentemente, uma espécie de despedida nas redes sociais: “Em 16 dias estarei longe, na Suíça, fazendo o que me deixará livre da dor e do medo. Acho que amanhã ou depois desligo esse facebook […] (sic) Toda minha família deixo meu mais sincero amor”, postou no dia 1º de março de 2018. [1]

domingo, 22 de abril de 2018

O TEMPO



 
O que é o tempo ?
O tempo é um elemento volátil e inagregável, considerado e mensurado pela mente humana na Terra.
Há informações de que ele não existe em outras dimensões habitadas e a ciência tenta confirmá-lo. Ele é volátil porque ninguém o recolhe ou abriga, ele passa instantâneo e não volta. É inagregável porque não se une a outros elementos, a exemplo dos gases, que embora também voláteis, podem ser encontrados na natureza em abundância, puro ou compondo-se com elementos semelhantes ou de mesma espécie.
Numa interpretação simples, é a “duração relativa das coisas que cria no ser humano a ideia de presente, passado e futuro; período contínuo no qual os eventos se sucedem” ou “determinado período considerado em relação aos acontecimentos nele ocorridos; época”, segundo os dicionaristas.

sexta-feira, 20 de abril de 2018

CONSCIÊNCIA ESPÍRITA







“Da conduta dos indivíduos depende o destino das organizações”. (Espírito André Luiz”



A partir de autorreflexões, censuro emoções, pensamentos e atitudes frente à diversidade de fatos que marcam o conturbado cotidiano do País, com a população totalmente aturdida. Delas surge o questionamento:

É possível exercitar uma consciência espírita em uma sociedade polarizada como a brasileira?

A polarização decorre dos princípios “certo ou errado”, “bem ou mal”, “direita ou esquerda”. Havendo somente duas alternativas em discussão, é óbvio que todos defenderão sua opinião como verdadeira. Esse tipo de pensamento – linear/binário/cartesiano – é que levou o físico americano de posterior cidadania brasileira e britânica chamar de “a doença do pensamento”, de fácil diagnóstico, que tem como principais sintomas: imediatismo, superficialidade e o simplismo.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

RECEITA DE O LIVRO DOS ESPÍRITOS


           
           
           Será que “O Livro dos Espíritos” se constitui numa obra como qualquer outra ou tem algo de especial? Será que houve alguma receita especial para a sua formatação?
          Sabemos que existem apelos no tocante a mudanças que se pretende realizar em sua estrutura, mas são esforços lançados ao vento sem que nada que trazem à baila pareça convencer àquele que tenha o mínimo de discernimento e acaba caindo no vazio.
          Para entender a confecção de O Livro dos espíritos convém entender o contexto. Metade do século XIX. Havia um crescente de fenômenos que invadiam os salões da Europa, notadamente na França. Algo de estranho, sob a forma de ruídos, acusava uma força que não estava representado pela ação das pessoas que compunham as assembléias. Havia uma coordenação invisível de forças que sugeriu uma forma de responder às perguntas através de pancadas, criado um alfabeto através do qual se comunicavam. Aqueles seres diziam fazer parte de um mundo paralelo ao nosso e garantiam ter passado para lá através da morte e que anteriormente viviam como nós. Vários cadernos traziam um sem número de perguntas e respostas sobre questões que iam desde a dúvida científica até a mera e pueril curiosidade.

quarta-feira, 18 de abril de 2018

161 ANOS DE O LIVRO DOS ESPÍRITOS


Originalmente publicado em 1857, O Livro dos Espíritos marca o nascimento da Doutrina Espírita e inicia o conjunto de cinco publicações que formariam a Codificação Espírita organizada por Allan Kardec. Considerado o Consolador Prometido por Jesus Cristo, o Espiritismo apresenta um novo caminho e a crença de que a vida continua após a morte. Texto fundamental para conhecer e estudar a Doutrina Espírita, O Livro dos Espíritos traz 1.019 perguntas, sobre diversos temas, feitas por Kardec com as respectivas respostas dos companheiros espirituais, permitindo que possamos conhecer e entender inúmeras ações que nos acompanham diariamente.
Fonte:FEB