domingo, 23 de junho de 2019

SUICÍDIO - UMA FUGA SEM NORTE,SEM SENTIDO, SEM RAZÃO





 
Em julho de 1862, Kardec analisa uma estatística estarrecedora e publica na Revista Espírita que “desde o começo do século XIX, o número dos suicídios na França, de 1836 a 1852, era de 52.126 suicídios, ou seja em média 3.066 por ano. Em 1858, contaram-se 3.903 suicídios, dos quais 853 mulheres e 3.050 homens. Enfim, segundo a última estatística no curso do ano de 1859, 3.899 pessoas se mataram, a saber, 3.057 homens e 842 mulheres.”(1)
Atualmente, como se não bastasse o inquietante “Dia Nacional de Prevenção ao Suicídio”, a Justiça francesa está investigando a onda de suicídios na operadora de telefonia France Telecom. Nos últimos anos, 46 funcionários da companhia se mataram – 11 deles apenas em 2010, segundo dados da direção da empresa e dos sindicatos. Infelizmente, é exatamente nos países ricos, em que a ambição e o materialismo se acentuam, onde sobressaem os preconceitos, que o número de óbitos por suicídio é mais aterrorizante. Segundo estimativa dos estudiosos, alguns países do Velho Continente carecem de um “plano nacional para a prevenção de suicídios”, pois é ameaçador o número de mortes autoinfligidas.

sábado, 22 de junho de 2019

BELEZA ESSENCIAL




Nunca te revoltes, viver é, sempre, graça;
Segue em equilíbrio, salutar e divino,
No caminho árduo, difícil, do teu destino,
Buscando iluminar-te, enquanto o tempo passa!

Os anos sugam a beleza da aparência,
Sorvendo o viço e o frescor no correr dos dias,
Em transmutação pra luz da Sabedoria
Que ensina que Deus espera colher essência.

terça-feira, 18 de junho de 2019

É POSSÍVEL FAZER MAL AO OUTRO?


  
O campo das energias são estradas de livre tráfego. Muitos perambulam pelas tantas interpretações que cabem nas diversas compreensões de cada estudo que se propõe desvendar os seus mistérios. A própria Física descreve que o movimento, em suas múltiplas expressões, se circunscreve a ondas que expressam a atividade de elétrons no contexto dos átomos vibráteis. Faz tempo que o conceito de matéria se restringe à transmutação de energia. O Universo se contrai e expande em fluxos constantes de energia.

segunda-feira, 17 de junho de 2019

CONSULTA AOS ESPÍRITOS







Allan Kardec dedicou todo o capítulo XXVI – segunda parte – de O Livro dos Médiuns para abordar o tema Perguntas que se podem dirigir aos Espíritos. O capítulo é muito rico em informações, ocupando dezenas de páginas e relacionando aspectos como Perguntas sobre o futuro, o passado, interesses morais e materiais, saúde, situação de conhecidos no mundo espiritual, invenções e descobertas e inclusive sobre outros planetas. Além disso, as observações preliminares são valiosas e mesmo sobre perguntas simpáticas ou
antipáticas a eles, os consultados.
Os itens 286 e 287 do citado capítulo são de uma lucidez e atualidade que não podem ser esquecidas, razão pela qual iniciamos nossa abordagem com essas indicações.