sexta-feira, 22 de janeiro de 2021

SISTEMA COLABORATIVO

 


A vida se apresenta claramente como um moderno mecanismo de colaboração mútua. Tudo demonstra um esforço gigantesco direcionado para o bem coletivo. Nos ambientes da natureza em seus conhecidos ciclos e mesmo no próprio funcionamento do corpo humano, com breve observação nota-se esse caminhar solidário. É um perfeito sistema colaborativo.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2021

PRATICAR O EVANGELHO, SIM! GANHAR DINHEIRO À CUSTA DA MENSAGEM DO CRISTO, NUNCA!

 


É justo transformar um templo religioso em uma Agência Mercantil? Em uma espécie de núcleo financeiro lucrativo? Será que Deus consente tal procedimento? Foi isso o que nos ensinou Jesus?

Viver o Evangelho, Sim! Ganhar dinheiro à custa da mensagem do Cristo, Nunca! Até porque nada é tão ilegítimo para um cristão que o exercício da mercantilagem do Evangelho. É deprimente identificarmos “religiosos” (ressalvando-se as exceções) que se postam quais “missionários” do Cristo, com evidente desprezo ao código sublime do amor ao próximo. Tais líderes distinguem-se pelo verbalismo descomedido, comentam tediosos os mais variados assuntos, inobstante não chegarem a qualquer arremate de raciocínio. Exaltam as emoções infelizes da arrogância entre os seus seguidores, cumulando-os de alusões faustosas embora vazias de sentido.

terça-feira, 19 de janeiro de 2021

NECROPOLÍTICA E DOUTRINA ESPÍRITA

 

  De vez em quando, alguns termos ganham as páginas dos jornais – que hoje estão em ritmo cada vez mais virtual, já que a dinâmica das informações está um cada vez mais ligada ao mundo virtual, facilitando não somente a pesquisa como também o esclarecimento de termos como este no título.

            De acordo com o verbete que aborda o assunto na Wikipédia, “Necropolítica é o uso do poder social e político para ditar como algumas pessoas podem viver e como outras devem morrer.” (Tradução livre de https://en.wikipedia.org/wiki/Necropolitics). O autor desse termo é o filósofo camaronês Joseph-Achille Mbembe, que utilizou esse termo em um artigo em 2003 e depois escreveu um livro com tendo esse termo como título em 2019.

segunda-feira, 18 de janeiro de 2021

AVE LUA!

 


Desde menino, fascina-me a lua!

Agora, evoca dúlcidas lembranças:

A casa, os pais, os irmãos e eu criança,

Ouvindo a "Ave Maria" e olhando a lua.