terça-feira, 16 de julho de 2019

"CULPA E DIREITO DE ERRAR"



 
Moisés nos aconselhou O QUE NÃO DEVEMOS FAZER em nossa trajetória evolutiva, posteriormente, Jesus ensinou O QUE DEVEMOS FAZER e o Espiritismo sugere COMO FAZER. Essas reflexões nos remeteram ao “Projeto Espiritizar” volumoso estudo da coletânea psicológica de Joana de Angelis organizado pela Federação espírita do estado de Mato Grosso, do qual me situo como humílimo educando.

Dentre múltiplos temas propostos pelo projeto, nomeamos o subtema “Culpa e direito de errar”, do módulo “Diretrizes seguras para libertar-se da culpa”, que abreviaremos nas reflexões a seguir.

domingo, 14 de julho de 2019

CORRUPTOS DEPOIS DA MORTE




 


O tema corrupção, em nosso país, nunca foi tão comentado como na época atual, com o surgimento da operação Lava Jato, consistindo na maior iniciativa de combate à bandalheira e lavagem de dinheiro da história do Brasil. Iniciada em março de 2014, apontou rombo vultoso de bilhões de reais, envolvendo importantes políticos e conceituadas empreiteiras, revelando a ação das quadrilhas, principalmente, na maior estatal do país (a Petrobras), bem como em contratos consideráveis como o da construção da usina nuclear Angra 3.

Para o Campeonato Mundial de Futebol FIFA de 2014, as garras dos corruptos concentraram-se nos estádios de futebol, com investimentos de centenas de milhões de reais em cada um. Exemplificando, temos o Arena da Amazônia, que custou R$ 660,5 milhões para abrigar 44 mil torcedores. No Mané Garrincha, em Brasília, gastaram R$ 1,403 bilhão, com capacidade para 72 mil pessoas. Com uma média bem baixa de público e de renda, são conhecidos com a nada honrada designação de "elefantes brancos", visto que seriam imperiosos milhares de anos para reconquistar o investimento feito nesses estádios.

segunda-feira, 8 de julho de 2019

POSTURA COERENTE OU SÓ APARÊNCIA?




 
Tem sido desafio em todos os tempos mantermo-nos coerentes com as noções de justiça e bondade que gradativamente vamos adquirindo pelas experiências de vida, sejam nos relacionamentos ou até mesmo com as reflexões interiores sempre presentes. Afinal sempre é tempo de nos perguntarmos se somos coerentes com o que já sabemos ou afirmamos saber, quando confrontamos tais conteúdos com as posturas e comportamentos que adotamos. Ou, em outras palavras, se estamos com as ilusões da aparência.

quarta-feira, 3 de julho de 2019

A FACE PACÍFICA DO BRASIL


       

       Existir no planeta exige discernimento. Ignorar é um verbo que varia em sua interpretação desde a virtude ao pior defeito. Compreendido como uma condição do “não saber” pode exprimir uma natural consequência de seletividade de quem se ocupa com outros interesses ou simplesmente desleixo em perceber o que se passa no próprio entorno. Provável que ao desportista mais interesse temas ligado ao esporte que pratica tanto quanto o cientista em relação a sua especialidade. E certamente há motivações muito diversas que ocupam a nossa atenção particularmente.

sexta-feira, 28 de junho de 2019

NÓS NO MUNDO E A ACEITAÇÃO DO OUTRO





Há conturbações sociais em andamento em todo o mundo.

No geral, essas conturbações ocorrem por diferentes pontos de vistas e pelos embates dos grupos que tentam se sobressair em relação um ao outro. Atualmente, mais do que nunca, fala-se da aceitação do outro e, principalmente, se esse outro for diferente de você. Porém, os antagonismos estão cada vez mais fortes no dia a dia das sociedades, cada vez mais aqueles que podem mais buscam subjugar os desfavorecidos, seja por meio da força ou do poder econômico.

domingo, 23 de junho de 2019

SUICÍDIO - UMA FUGA SEM NORTE,SEM SENTIDO, SEM RAZÃO





 
Em julho de 1862, Kardec analisa uma estatística estarrecedora e publica na Revista Espírita que “desde o começo do século XIX, o número dos suicídios na França, de 1836 a 1852, era de 52.126 suicídios, ou seja em média 3.066 por ano. Em 1858, contaram-se 3.903 suicídios, dos quais 853 mulheres e 3.050 homens. Enfim, segundo a última estatística no curso do ano de 1859, 3.899 pessoas se mataram, a saber, 3.057 homens e 842 mulheres.”(1)
Atualmente, como se não bastasse o inquietante “Dia Nacional de Prevenção ao Suicídio”, a Justiça francesa está investigando a onda de suicídios na operadora de telefonia France Telecom. Nos últimos anos, 46 funcionários da companhia se mataram – 11 deles apenas em 2010, segundo dados da direção da empresa e dos sindicatos. Infelizmente, é exatamente nos países ricos, em que a ambição e o materialismo se acentuam, onde sobressaem os preconceitos, que o número de óbitos por suicídio é mais aterrorizante. Segundo estimativa dos estudiosos, alguns países do Velho Continente carecem de um “plano nacional para a prevenção de suicídios”, pois é ameaçador o número de mortes autoinfligidas.

sábado, 22 de junho de 2019

BELEZA ESSENCIAL




Nunca te revoltes, viver é, sempre, graça;
Segue em equilíbrio, salutar e divino,
No caminho árduo, difícil, do teu destino,
Buscando iluminar-te, enquanto o tempo passa!

Os anos sugam a beleza da aparência,
Sorvendo o viço e o frescor no correr dos dias,
Em transmutação pra luz da Sabedoria
Que ensina que Deus espera colher essência.

terça-feira, 18 de junho de 2019

É POSSÍVEL FAZER MAL AO OUTRO?


  
O campo das energias são estradas de livre tráfego. Muitos perambulam pelas tantas interpretações que cabem nas diversas compreensões de cada estudo que se propõe desvendar os seus mistérios. A própria Física descreve que o movimento, em suas múltiplas expressões, se circunscreve a ondas que expressam a atividade de elétrons no contexto dos átomos vibráteis. Faz tempo que o conceito de matéria se restringe à transmutação de energia. O Universo se contrai e expande em fluxos constantes de energia.

segunda-feira, 17 de junho de 2019

CONSULTA AOS ESPÍRITOS







Allan Kardec dedicou todo o capítulo XXVI – segunda parte – de O Livro dos Médiuns para abordar o tema Perguntas que se podem dirigir aos Espíritos. O capítulo é muito rico em informações, ocupando dezenas de páginas e relacionando aspectos como Perguntas sobre o futuro, o passado, interesses morais e materiais, saúde, situação de conhecidos no mundo espiritual, invenções e descobertas e inclusive sobre outros planetas. Além disso, as observações preliminares são valiosas e mesmo sobre perguntas simpáticas ou
antipáticas a eles, os consultados.
Os itens 286 e 287 do citado capítulo são de uma lucidez e atualidade que não podem ser esquecidas, razão pela qual iniciamos nossa abordagem com essas indicações.

sábado, 15 de junho de 2019

COERÊNCIA


 
Penso, para mim mesmo, que é fácil ser espírita dentro da Casa Espírita. E isso deve ser verdade, pois precisamos de um canto para fortalecimento da alma nos embates da vida.
No Centro Espírita estudamos os ensinamentos do Nosso Senhor Jesus, da sua convivência com os Homens, do seu comportamento perante o Pai Celestial, dos seus sagrados e necessários exemplos de fraternidade e amor ao próximo. Tudo isso alimenta e fortalece a alma, contudo, todo esse conhecimento, se não for aplicado na vida, no nosso dia-a-dia, não terá valor algum. Serão apenas palavras levadas pelo tempo, sem frutos para saciar os viajores que, afinal de contas, somos todos nós.

sexta-feira, 14 de junho de 2019

STEPHEN HAWKING: RETORNO VITORIOSO À PÁTRIA ESPIRITUAL





 
A data de 14 de março de 2018 será sempre lembrada, porquanto um ser dotado de grande saber científico regressa à dimensão extrafísica já revelando crescimento espiritual, tendo sido bem-sucedido diante de um embate expiatório.

Estamos referindo-nos ao consagrado físico britânico Stephen Hawking, o qual, com a idade de 21 anos, foi diagnosticado com uma doença neurodegenerativa fatal, de causa desconhecida, que acomete os neurônios motores, responsáveis pelos movimentos voluntários.

terça-feira, 11 de junho de 2019

DEUS NÃO PUNE, LOGO NOSSA DOR NÃO É UMA "REAÇÃO" A NADA



Em sânscrito, karma significa “ato deliberado“. Nas suas origens, a palavra karma significava “força” ou “movimento”. Apesar disso, a literatura pós-védica expressa a evolução do termo para “lei” ou “ordem”, sendo definida muitas vezes como “lei de conservação da força“. Isto significa que cada pessoa receberá o resultado das suas ações. É um mero caso de causa e consequência. [1]

O Espiritismo esclarece que o sofrimento atual não está obrigatoriamente relacionado às nossas ações erradas (“pecados”) do passado, porém ao estado de imperfeição moral mantido no presente. Logo, sofremos nesta atual encarnação em virtude da imperfeição da qual ainda não nos libertamos, e não por causa de atos errados (“pecados”) atuais ou de outras encarnações.

domingo, 9 de junho de 2019

KARDEC E O MÉTODO QUE NÃO SE PERDE!*


 


Quando se acompanha por algum tempo comentários de páginas e grupos dedicados ao Espiritismo, é possível classificar os argumentos apresentados pelos participantes ante qualquer tema proposto, em duas categorias principais: a CARTEIRADA e a SUBMISSÃO.

Os simpatizantes da carteirada geralmente são avessos à institucionalização do espiritismo, porém colocam todo peso e medida na letra de Kardec, conforme suas interpretações. Os submissos se colocam a partir da visão de algum vulto do espiritismo, ou algum espírito, ou até mesmo de ambos.

sexta-feira, 7 de junho de 2019

EU E O ROUXINOL




Café, tapioca, manteiga de garrafa...
Ah! os mimos da mamãe e os irmãos em algazarra!
Naquelas tardes distantes, rouxinol, vinhas
Cantar feliz no terraço, junto à cozinha.

Hoje, alegre ou triste, a cantares lindamente,
Devassas, com a tua melodia, a alma da gente...
Quando estou alegre, ninguém mais do que nós,
Parece que a minh'alma canta na tua voz.

quinta-feira, 6 de junho de 2019

DE VOLTA AO LAR







            No dia 31/03/1869, numa noite de inverno em Paris, enquanto dava continuidade aos estudos que publicava regularmente na Revista Espírita e ensaiava um estudo comparativo entre Magnetismo e Espiritismo, desencarna Allan Kardec, vitimado pelo rompimento de um aneurisma de artéria coronária. Desenlace inesperado, conquanto já predito sem fixação de data numa das reuniões na Sociedade Parisiense de Estudos Espíritas, alcançou de surpresa os já milhares de adeptos por toda a Europa e além daquele continente.

terça-feira, 4 de junho de 2019

O "KARMA" É UMA FÁBULA PRÉ-HISTÓRICA MAL CONTADA


 
A liberdade de escolha dos nossos atos vincula-se à “Lei de Causa e Efeito”, ou seja, tudo aquilo que penso, que desejo, que faço determinam consequências naturais. A experiência da vida humana é circunstanciada por livres decisões vinculadas às implicações das escolhas. As Leis Divinas permitem assumirmos decisões livremente, contudo as escolhas geram resultados adequados ou desagradáveis, dependendo das opções.

No orbe humano Deus jamais pune e suas Leis não são e nunca foram de natureza punitiva, pois as escolhas que fazemos poderão trazer uma “colheita” natural e sempre proporcional ao “plantio”, consoante maior ou menor discernimento dos atos.

domingo, 2 de junho de 2019

ESTAMOS ESQUECIDOS?


 
No livreto O Espiritismo em sua expressão mais simples, da FEESP, de Allan Kardec, que é dividido em 3 partes (Histórico do Espiritismo, Resumo do Ensinamento dos Espíritos e Máximas extraídas do ensinamento dos Espíritos, além das Notas), encontramos essas preciosidades que parecem esquecidas de todos nós na atualidade do movimento espírita: (transcrevo pequenos trechos parciais)
a) Item 35 no item “Máximas”: O objetivo essencial do Espiritismo é o melhoramento dos homens. Não é preciso procurar nele senão o que pode ajuda-lo para o progresso moral e intelectual;

quinta-feira, 30 de maio de 2019

PARÁBOLA DOS TALENTOS E A REENCARNAÇÃO



A “Pluralidade das Vidas Sucessivas”, o “Nascer de Novo” ou a Doutrina da Reencarnação, anunciada por Jesus e perfeitamente explicada hodiernamente pelo Espiritismo, já era do conhecimento dos apóstolos e ignorada pelo povo em geral, como afirmou o Mestre: “Porque a vós outros é dado conhecer os mistérios do reino dos céus, mas àqueles não lhes é isso concedido” (1). Disse, igualmente: “Bem-aventurados, porém, os vossos olhos, porque veem; e os vossos ouvidos, porque ouvem. Pois em verdade vos digo que muitos profetas e justos desejaram ver o que vedes e não viram; e ouvir o que ouvis e não ouviram (2).

O motivo de o Cristo não divulgar ensinamentos mais profundos está no fato de a humanidade de então não estar ainda preparada para recebê-los devido ao intenso atraso evolutivo, tanto espiritual quanto científico, do qual eram portadores: “Por isso, lhes falo por parábolas; porque, vendo, não veem; e, ouvindo, não ouvem, nem entendem” (3).

segunda-feira, 27 de maio de 2019

PEDAGOGIA DA MUDANÇA


         
        
 
        A civilização convulsiona aflita pelas múltiplas doenças do corpo e da alma que assola os territórios habitados do planeta, nas pequenas e grandes cidades. A Terra estremece pelos fenômenos naturais de sua trajetória e em resposta aos fenômenos climáticos artificiais. Há sofrimento, dor, perdas, selvageria, desequilíbrios instalados. O quadro geopolítico sugere a agressividade das guerras, enquanto a visão da sociedade impõe espetáculos que nos arrastam para uma avaliação pessimista dos tempos atuais.

domingo, 26 de maio de 2019

OS 13 PORQUÊS - COMO CONVERSAR SOBRE SUICÍDIO, ESTUPRO, DROGAS E BULLYNG COM SEUS FILHOS ADOLESCENTES



Os 13 porquês – como conversar sobre suicídio, estupro, drogas e bullying com seus filhos adolescentes

A história narrada na série Os 13 Porquês (13 Reasons Why) mostra primeiros beijos, o nascimento e o fim de amizades, os estereótipos de diferentes grupos de jovens, a necessidade de fazer parte e se sentir aceito, a dificuldade e inabilidade social, o julgamento, a fofoca. Esse é o cenário adolescente que leva Hannah, a personagem principal da série, ao suicídio.

sexta-feira, 24 de maio de 2019

A DOENÇA NÃO PODE SER INSTRUMENTO DE PUNIÇÃO







Os órgãos do corpo físico respondem a todos os estímulos (internos ou externos), determinando um encadeamento de reações, além dos estímulos físicos que impactam, através dos sentidos, as emoções ou sentimentos que também provocam reações. Estas excitam ou bloqueiam os mecanismos de funcionamento. Em verdade, o processo de preservação e deterioração de qualquer órgão tem uma relação direta com as emoções e os sentimentos.

quarta-feira, 22 de maio de 2019

BEM AVENTURANÇAS DE JESUS PARA HOJE





Em tempos de angústia e de violência, de perplexidade e de desesperança, há fontes onde podemos nos retemperar e nos levantar. Tenho o hábito de ver, ler ou ouvir trechos, vídeos, filmes, poemas, que possam me apaziguar e me levantar em momentos em que as coisas parecem estar encurraladas.
E se há um texto sagrado, inspirador, para o qual sempre podemos voltar e encontrarmos um novo frescor, um inesgotável alívio e profundas releituras, é o sermão da montanha de Jesus. Esse texto está no Evangelho de Mateus, de maneira completa e mais dispersa em Lucas. Gandhi inspirou-se nele (e no Bhagavad Gita) para orientar a sua luta não violenta pela libertação da Índia. Kardec desmembrou alguns de seus versículos em capítulos, no Evangelho segundo o Espiritismo, aprofundando o sentido de cada versículo.
Passados dois mil anos que Jesus o pronunciou nas montanhas da Galileia, ainda nos serve de roteiro, de consolo, de esperança.

sexta-feira, 17 de maio de 2019

MARIETA, A BAILARINA DO ALÉM





Chegas irradiando tanta luz:
"Trago luz pra todos...Sou bailarina,
Dezessete anos!..." Sorrindo, iluminas
O ambiente que se inunda de luz...

Depois, me tomas a bênção...E mais:
"Eu sou sua filha..." estendendo-me as mãos
E, sorrindo luz, me pedes perdão...
Como pode, manina-anjo ?...Foi demais!...

segunda-feira, 13 de maio de 2019

A PRECE




No ano de 1981, Gilberto Gil lançou a canção “Se eu quiser falar com Deus”, numa enigmática cartilha que desafia à reflexão, passados tantos anos daquele lançamento. Nas entrelinhas falar com Deus infere “ficar a sós”, “apagar a luz”, “calar a voz”, “encontrar a paz”, “soltar os nós da gravata, dos sapatos, dos desejos e receios” e assim vai estabelecendo os passos do chamado, segundo o autor. Bem diferente do que se apregoa na militância religiosa, onde falar com Deus  exige a formulação de uma lista de pedidos para alcançar o fim que, para o autor seria uma disposição para efetivamente iniciar o contato. Significa que, na canção, falar com Deus requer um preparo, o que na outra visão não é necessário.

AVE CANTEIRO DE IDEIAS!



 
Iniciado em 13 de maio de 2012, apenas como um Blog, em que se pretendia divulgar a Doutrina Espírita na Internet, hoje foi transformado em um Site, com o mesmo objetivo de divulgação da Doutrina Espírita, apenas com uma abrangência muito maior, sendo lido diariamente em vários Países.
Meu primeiro texto foi publicado em 13 de junho de 2012, um mês depois da sua criação e versava sobre a falta de Trabalhadores nas Casas Espíritas, situação essa que, ainda hoje, atinge um grande número de Instituições Espíritas, especialmente aquelas de pequeno porte e/ou em lugares onde a Doutrina Espírita ainda não é muito conhecida.

sexta-feira, 10 de maio de 2019

ADOLESCENTE E VESTIBULAR





 
Como os adolescentes costumam se sentir quando não passam no vestibular e precisam ingressar em um cursinho pré-vestibular?

A cultura contemporânea do descartável incentiva diuturnamente comportamentos como a competitividade, a pressa, a praticidade e a obtenção imediata dos bens que, supostamente, trariam conforto e felicidade. Não passar no vestibular, para o adolescente que se esforçou, pode trazer imensa frustração e profundo sofrimento. As supostas “derrotas” podem assumir uma dimensão subjetiva tão expressiva a ponto de desencadear isolamento social, distorções depreciativas da autoimagem, enfermidades e/ou transtornos mentais como a depressão. O sofrimento decorrente das derrotas depende em boa parte dos diálogos internos que o adolescente alimenta, e essa “leitura” por muitas vezes se torna um marco, saudável ou não, que influencia as próximas experiências de vida.

quarta-feira, 8 de maio de 2019

DEPRESSÃO





 

1 – Fala-se que a depressão é o mal do século. Estamos diante de um distúrbio próprio dos tempos atuais, uma síndrome da modernidade?
Mais apropriado considerar que é um mal antigo com nome novo. Se falarmos em melancolia, perceberemos que ela sempre esteve presente na vida humana. Os melancólicos de ontem são os deprimidos de hoje. Hipócrates (460 a.C-370 a.C.) definia assim a melancolia: Uma afecção sem febre, na qual o Espírito, triste, permanece sem razão fixado em uma mesma ideia, constantemente abatido. É mais ou menos isso o que sente o indivíduo em depressão, com a impressão de que a vida perdeu a graça.

domingo, 5 de maio de 2019

A LEI DO TRABALHO - ENTREVISTANDO UM JUIZ DO TRABALHO


 


Natural de Araraquara, no interior paulista, onde também reside, ALAN CEZAR RUNHO é formado em Direito (1996) pela USP e Juiz do Trabalho desde 1998. Entrevistamo-lo sobre a legislação trabalhista e as Leis Divinas.

1 - Como conciliar a imperfeição das leis humanas, concernentes às leis trabalhistas e a sabedoria das Leis Divinas quanto ao trabalho?
As leis humanas existem porque o homem ainda não aprendeu amar. Quando praticarmos a lei do amor em toda sua essência, querendo para os outros o que queremos para nós mesmos, constataremos o quanto as leis humanas são supérfluas. Ao nos pautarmos pela ética do Cristo nos relacionamentos humanos, a imperfeição das leis humanas deixará de ser um obstáculo.

quinta-feira, 2 de maio de 2019

MAIS LUZ





Debate-se em longa noite a alma no mundo.
Apesar dos vinte séculos do Evangelho de Jesus,
Ainda trevas de incompreensão e nuvens de discórdia,
A todo instante, implorando a graça da luz.

Não clames, porém, contra as sombras,
Nem porque a luz se demora:
Desespero é preguiça agitada
E lamentação é ociosidade sonora.

terça-feira, 30 de abril de 2019

OBA-OBA - DIA NACIONAL DOS "ESPÍRITAS" BRASILEIROS(!)



 

Há 12 anos, para encantamento de alguns “espíritas”, aprovou-se, na Câmara dos Deputados, em caráter conclusivo, o Projeto de Lei nº 291, de 2007, que “dispõe sobre a criação do Dia Nacional do Espiritismo” (“hein…”? humm…!!!), sem força de feriado, dispensando, portanto, os que tributam culto a outras religiões, da obrigatoriedade quanto à homenagear Kardec com os que professam e praticam a doutrina espírita. (Ufa, ufa…!!!!).

Há 12 anos, sim, há 12 anos, a febre para os dias comemorativos ao Espiritismo começou a se espalhar pelos rincões tupiniquins: Vejamos, o projeto apresentado pela Assembleia paraibana, propôs a criação de 18 de abril como “Dia Estadual do Espírita” (hã…?), que se transformou em Lei, sancionada pelo governador instituindo a data no Calendário Oficial do Estado da Paraíba, conforme Lei nº 8.251, de 20 de junho 2007, publicada no Diário Oficial do Estado, em 21 de junho de 2007. Com misso já vislumbramos a direção das enxurradas de datas comemorativas que estão por vir.

sábado, 27 de abril de 2019

A DAMA DO ESPIRITISMO


                  
    
          Incontáveis vezes referido como doutrina codificada por Allan Kardec em abril de 1857, o Espiritismo sofreu grande influência do espírito feminino que pode ser encontrado nas entrelinhas do seu processo de formação inicial e manutenção até os nossos dias. O Codificador realizou incursões em diversas casas, onde os fenômenos espíritas eram praticados por toda a Europa, e as consultas que realizou com a finalidade de obter as informações dispostas em suas obras clássicas provinham em sua maior porcentagem de mulheres médiuns.

quarta-feira, 24 de abril de 2019

PRECE PROFUNDA



 
Meu Jesus querido!



Faz tempo que não te faço uma prece do mais profundo, do âmago de mim mesma, buscando um olhar de paz, que me conforte e me levante, me alivie e me empurre…

Jesus Cristinho, como está difícil!

A gente acorda e começa a ser bombardeado por uma avalanche de notícias ruins: as baleias com plástico no estômago, os negros tomando 80 tiros, a África devastada por tufões, com tão pouca gente que a acuda e que a resguarde, que a resgate… E os atentados, a fome, os capitalistas selvagens devastando os pobres e a terra…

terça-feira, 23 de abril de 2019

MATERIALIZAÇÃO DE ESPÍRITOS - NOVO TESTAMENTO E ESPIRITISMO


 


O aparecimento de seres espirituais, em determinados momentos, sendo vistos por mais de uma pessoa, é um dos mais expressivos fenômenos mediúnicos de efeitos físicos, exemplificados na Bíblia e na Doutrina Espírita.

Esse sublime acontecimento não é observado nos templos das religiões dogmáticas. Contudo, nos arraiais espiritistas, além da constatação do fato, há explicação de como ocorre, desde que Jesus prometera que o Consolador que o Pai enviaria em seu nome nos ensinaria todas as coisas, além de nos lembrar de tudo o que ele disse (João 14:25-26).

domingo, 21 de abril de 2019

CHARLATANISMO, REDES SOCIAIS E FAKE NEWS NO ALÉM




 
É inquietante a invasão de falsos médiuns, especialistas nas fraudes “mediúnicas”, “psicografando” supostas cartas do além, valendo-se financeiramente da venda de livrescos de sua autoria. A armadilha da traiçoeira “mediunidade” para eventual “contato com falecidos” tem sido montada nos shows públicos dos ambientes espíritas (infelizmente!).

Tais estelionatários inventam seitas sob “inspiração” de imaginários espíritos que trazem nomes de notórias “santas e padroeiras”. Em torno desses falsários se promovem excursões (romarias) para que enlutados acompanhem o charlatão até às cidades em que são convidados para fazerem espetáculo de falsas psicografias.

quinta-feira, 18 de abril de 2019

EFÉMERIDE: LANÇAMENTO DE "O LIVRO DOS ESPÍRITOS"


Originalmente publicado em 1857, O Livro dos Espíritos marca o nascimento da Doutrina Espírita e inicia o conjunto de cinco publicações que formariam a Codificação Espírita organizada por Allan Kardec. Considerado o Consolador Prometido por Jesus Cristo, o Espiritismo apresenta um novo caminho e a crença de que a vida continua após a morte. Texto fundamental para conhecer e estudar a Doutrina Espírita, O Livro dos Espíritos traz 1.019 perguntas, sobre diversos temas, feitas por Kardec com as respectivas respostas dos companheiros espirituais, permitindo que possamos conhecer e entender inúmeras ações que nos acompanham diariamente.

domingo, 14 de abril de 2019

ROUSSEAU, PESTALOZZI, HIPOLLYTE RIVAIL, KARDEC


         

 
        A coluna que sustenta a Doutrina Espírita é sabidamente Jesus, sua ética e ensino universais. Sem controvérsias, a sua passagem pelo planeta foi o marco que semeou a mensagem que haverá de libertar, a todo aquele que a entenda, das amarras da escravidão moral que caracteriza a humanidade. Antes de sua vinda pessoal teria enviado prepostos na condição de abre-alas, precursores que assinaram a Introdução de O Livro dos Espíritos, como Sócrates e Platão, entre tantos outros.
          O desembarque do Espiritismo, no entanto em 27/04/1857, teve uma ligação direta com a efervescência do pensamento libertário que encontra em Rousseau (28/06/1712 – 22/07/1778) a sua pedra fundamental pelo enfoque que dirigia para a formação do caráter da criança sob a observação dos fenômenos da Natureza, adepto que era da crença em uma religião natural, onde o ser humano poderia encontrar Deus em seu próprio coração, de forma a transformar seus direitos naturais em direitos civis. Suas idéias foram fundamentais para que a humanidade tivesse o legado da revolução Francesa em seu tripé de Liberdade, Igualdade e Fraternidade.

quinta-feira, 11 de abril de 2019

ESPIRITISMO E MARXISMO: UM DIÁLOGO NECESSÁRIO





O marxismo tem sido alvo de ataques por parte de integrantes do movimento espírita ao longo do tempo, especialmente, nos dias atuais. A falta de compreensão acerca do que efetivamente significa o pensamento marxista, bem como a própria constituição subjetiva dos espíritas, enquanto inseridos no contexto da sociedade capitalista,[1] são algumas das causas fundamentais dessa triste realidade.

Em geral, os espíritas confundem o materialismo histórico com o materialismo, em sua acepção vulgar – esse último objeto da crítica de Allan Kardec -, demonstrando uma compreensão totalmente equivocada do marxismo, o qual passa a ser apontado como uma “ideologia nefasta”. Isso apenas é uma demonstração do horizonte tacanho no qual, infelizmente – ressalvadas importantes exceções -, está inserido o grande contingente dos espíritas em nosso país, distanciados dos avanços científicos e culturais da humanidade, em total dissonância com as postulações do mestre lionês, que, inclusive, chegou a asseverar de modo peremptório: “fé inabalável é somente aquela que pode encarar a razão, face a face, em todas as épocas da humanidade”.

terça-feira, 9 de abril de 2019

ABORTO EUGÊNICO - FRUTO DA IGNORÂNCIA ESPIRITUAL


 

          Foto:Matheus, meu "neto" afetivo, portador da síndrome de Down, Estuda no colégio Master, é coroinha na Igreja da Glória, toca batera e adora dançar.


Na Grécia Antiga, a cidade de Esparta é sempre lembrada com pesar por ser conhecida pelo seu intenso atraso moral, porquanto, além de ter sido irracionalmente bélica, voltada exclusivamente para a guerra e conquista de territórios, igualmente investia suas ferozes garras contra os bebês, assassinando-os quando nasciam com alguma deficiência física ou mental, praticando o infanticídio eugênico.

De triste memória, igualmente, o surgimento da desvalida ideologia de “pureza racial” pelo nazismo, o qual atingiu o máximo no horripilante Holocausto, sendo executadas cerca de 1,5 milhão de crianças, sendo que um milhão delas eram judias, dezenas de milhares de ciganos, como igualmente crianças alemãs com deficiências físicas ou mentais. Muitas mortes de infantes foram devidas às experiências médicas cruéis.

sexta-feira, 5 de abril de 2019

PERANTE OS FILHINHOS QUE RETORNAM PARA O ALÉM


 

Efetivamente, ninguém está preparado para receber a notícia de que o filho tem câncer, ainda mais quando se trata de uma criança. E nada é capaz de preparar um pai e uma mãe para ver essa criança perder a batalha. Em Lancashire, na Inglaterra, o menino Charles Proctor, de 5 anos, pediu “desculpas” à mãe antes de falecer em seus braços. Ele tinha um tipo raro de câncer e desencarnou no colo de sua mãe, Amber Schofield.

No mês de novembro de 2018, Schofield, 24 anos, segurava o pequeno Charles no colo, quando ele deu seu último suspiro. Em um post emocionado na página que criou no Facebook para contar a história do garoto e pedir ajuda financeira para que ele pudesse realizar um transplante nos Estados Unidos, ela relatou que, algumas horas antes de desencarnar, o menino disse a ela: “Mamãe, me desculpe por isso”. [1]

domingo, 31 de março de 2019

E O PLACAR INDICA DEZ A ZERO


 


Vale ressaltar de início que não se trata de um novo jogo de futebol entre Alemanha e Brasil o placar que denomina esse texto, sequer intenta falar desse esporte multimilionário que ocupa espaço gigante no ideário mundial. Infelizmente os quarenta e poucos dias de 2019 têm trazido grandes abalos pela ocorrência de intempéries e negligências capazes de dizimar vidas florescentes. Não bastasse o alto risco de ter ressuscitados no País os manicômios aparelhados com o ressurgimento dos eletrochoques, depois de grande luta pela reforma psiquiátrica disseminada pelas sociedades de Psiquiatria, fomos atingidos pelas notícias desagradáveis de desencarnação em massa por chuva, lama e fogo.

quinta-feira, 28 de março de 2019

SOLIDÃO





Estar só, nem sempre, quer dizer solidão.
Quando voluntário, chamo de solitude:
Espaço de aconchego, afago e quietude,
Onde se haure luz celeste, em meditação.

Sem o chão das sadias emoções, na verdade,
O ser solitário, indubitável, é alguém
Que, vivendo na multidão, não tem a ninguém,
Por não laborar a solidariedade!

terça-feira, 26 de março de 2019

AS RAZÕES DE DEUS


         


        Assim como os irracionais, o ser humano também tem uma programação básica que se manifesta na forma de instintos, a conduzi-lo pelos caminhos da vida. O instinto gregário, que lhe impõe a vida em sociedade. O instinto do acasalamento, que favorece a constituição da família. O instinto sexual, que sustenta a perpetuação da espécie. O instinto de conservação, que o estimula a lutar pela sobrevivência.

        Mas há no Homem, além dos instintos, algo que o distingue dos demais seres da criação – a inteligência, o pensamento contínuo, a capacidade de aprender, de acumular informações e tomar consciência de sua própria existência.

domingo, 24 de março de 2019

AI DAQUELE POR QUEM VEM O ESCÂNDALO!


      
      
         A legislação humana, em especial o legislador, é muito gentil com os poderosos que fazem parte de suas zonas de relação. Diga-se de passagem, um desvio da justiça que se arrazoa, deveria ser cega, e alcançar a todos indistintamente. Por essa razão é costumeiro em países subdesenvolvidos, que vivem às voltas com problemas de natureza ética, a manutenção de brechas para cometimentos que resultam em arquivamento ou absolvição, após rituais denominados julgamentos.